filmes de terror

Filmes de Ficção-científica

Filmes de comédia

Filmes de Aventura

Filmes de drama

Filmes de suspense

Filmes adolescentes

Filmes de ação

Clássicos

Filmes baseados em fatos reais

Filmes de Faroeste

Filmes de Animação

Franquias

Lançamentos

Filmes épicos

Filmes de fantasia

Filmes de romance

Filmes de Policial

Filmes de mistério

Filmes de Guerra

series de televisão

Notícias

Em breve

Especiais

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Westworld, nova serie de ficção-cientifica do canal HBO,criada pelo famoso casal Jonathan Nolan e Lisa Joy, e produzida por J. J. Abrams, que conta a história de um parque temático de tirar o fôlego de qualquer um que assistir!

Bom dia, meus amigos, hoje tem uma nova crítica para vocês, sobre a aguardada serie da HBO, que é uma adaptação televisiva do filme de ficção-científica de 1973, de mesmo nome dirigido por Michael Crichton, agora 43 anos após o lançamento do filme, agora a HBO trouxe uma adaptação televisiva do filme, nas mãos dos do casal Jonathan Nolan (da trilogia Batman, do filme Interestelar e da serie Person of Interest) e Lisa Joy, e produzida pelo famoso J. J. Abrams (das series Alias, Lost, Fringe, Person of Interest e dos, e diretor dos filmes Super 8 e Star Wars – O Despertar da Força).
Para aqueles que não conhecem, a HBO que é conhecida mundialmente por suas series como True Blood, e o novo sucesso televisivo que conquistou o mundo e ganhou muitos prêmios que é a serie Game of Thrones, e ainda a serie antológica policial True Detective, e agora HBO nos traz mais um novo sucesso para as nossas casas, que é a serie Westworld, que como vocês vêm às notícias sobre a serie que é uma das produções mais caras do canal, e também levou muito tempo para sair, e a espera valeu a pena e vou lhes dizer o por quê?
A história da serie, se passa em um parque temático de grande qualidade, em um futuro distante, e das melhores para falar a verdade, chamado Westworld, que recria diversos períodos da história, entre eles o velho-oeste. No local, trabalham diversos androides com aparência humana. Certo dia, os robôs começam a sofrer uma pane e passam a servir como uma ameaça aos turistas.
A história nos oferece uma história de qualidade, onde nos apresenta um parque em um futuro distante que recria as diferentes da história humana, para entreter os turistas que o visitam, e a primeira impressão, quando você assiste o episódio-piloto da serie, é que a serie já nos dá aquela impressão, ou seja, já entrega tudo em nossos olhos em passos lentos, para falar a verdade, o episódio-piloto, começa a história com um pequeno suspense no ar, e depois nos leva para o cenário principal da história que é o Velho-Oeste, e ai que nossa história começa, e ainda começa de uma maneira excelente, ainda mais se tratando de uma serie da HBO, que já sabemos a história, que as series do canal faz muito sucesso no mundo.
A nova atração da HBO nos traz um mundo novo, onde você pode reviver uma época passada, sem você precisar viajar no tempo, que dizer é tipo um parque de diversões naqueles em filmes de ficção cientifica, e posso dizer que a HBO se superou com a qualidade dos efeitos especiais, que dizer o canal já nos entrega uma superprodução com efeitos especiais de grandes produções de Hollywood, e a crítica não para por aqui, porque têm mais para falar sobre a serie e esse novo mundo.
E sobre o episódio-piloto, ele nos entrega momentos de muita adrenalina, onde vemos como é feita essa diversão do parque de Westwood, e nela podemos ver que os visitantes se divertem, agindo como as pessoas na época do faroeste, e o primeiro episódio não foca apenas no modo de entretenimento do parque, como também da burocracia dos criadores de Westwood, e posso dizer que o episódio de estreia da serie, foi um dos melhores episódios já feitos, e posso dizer que a equipe de produção da serie, têm como fichas nos seus trabalhos anteriores, superproduções.
A produção merece um brilho, em todas as partes que apareceram desde mentes criativas por trás projeto, como também na história do roteiro, e também nos efeitos especiais que são a marca de qualidade da serie, para falar a verdade, são o brilho enorme da produção, se vocês da antiga geração assistiram ao filme de 1973, de mesmo nome que deu origem à nova serie da HBO, vão notar uma diferente enorme nas duas, vou dizer por quê! Porque no filme de 1973, os efeitos especiais e a tecnologia eram diferentes dos efeitos especiais e a tecnologia do ano de 2016, que dizer se vocês forem assistir ao filme de 73, vocês verão que é uma diferença enorme e das grandes que até vocês podem notar, certo.
E ainda estamos falando de uma superprodução televisiva da HBO, que desde aprovada pelo canal para serie, produção foi como um dos projetos mais caros da HBO, levando ela às pausas devido aos seus efeitos especiais que não são baratos, não muitos pelo contrário, nela podemos ver através dos seus cenários, dos seus efeitos especiais que dão uma grande cereja num bolo de entretenimento que todo mundo vai adorar assistir, e digo mais uma coisa pessoal que eu até falei em críticas anteriores, eu não tenho nada contra remakes televisivos de filmes de sucesso, é só fazer um trabalho excelente de boa qualidade (desde atuação dos atores e atrizes da serie, efeitos especiais até a história que se for muito boa, vai conquistar muita gente como no caso da serie), porque é como diz um ditado popular “não julguem um livro pela capa”.
 E ainda vemos a criação dos androides do parque temático é feita, que são feitos de um material liquido estranho, e o resto é por conta dos realizadores que cuidam do formato e modelo do rosto e do corpo dos mesmos, e tudo é feito com trabalhos de mestre dos gêneros de fantasia e ficção cientifica, e olha que as pessoas que estão por trás das cadeiras de chefões, mentes criativas e produtores executivos da serie, têm muita criatividade nos gêneros e ainda eles trabalharam em series televisivas do gênero como também superproduções cinematográficas dos gêneros que não decepcionaram, e elas estão mencionadas no primeiro parágrafo da crítica.
E ainda serie-nos entrega no seu primeiro ato da 1° temporada, a trama central que é sobre os androides do parque temático, que podemos notar logo de cara, que as pessoas responsáveis pelo funcionamento do parque estão com certo temor de que os androides vão se rebelar, e vão ameaçar só suas vidas, como também dos turistas que visitam o parque, no episódio já vemos isso de cara, quando vemos uma das androides sendo configurada por causa de um problema relacionado com um dos androides que interpreta um membro da família dela, e posso dizer que uma das qualidades de Westword é entregar a trama logo de cara do espectador, mesmo que isso significa ter um flashback, mas isso não é problema, é sempre bom olhar o que aconteceu antes de voltar para o momento exato em que o episódio começou, o episódio de estreia foi todo assim, e foi muito bom.
E ainda no episódio vemos como é feita a diversão do parque, onde os turistas podem se vestir como as pessoas da época, como também podem se divertir se você é solteiro ou têm família, o parque de Westwold têm semelhanças com resorts normais, só que a diferença é que esse é um mundo criado através da tecnologia, e todas as coisas são feitas através dela nesse lugar, e ainda dá aquele ar de inovação, uma forma diferente de tirar às férias, e nesse mesmo lugar, todo mundo pode viver uma aventura no velho-oeste como as pessoas época viviam, e posso dizer que fiquei muito impressionado também com efeitos visuais que dão lugar à paisagem do parque, que torna tudo realístico de impressionante, quer dizer, por isso que a serie é considerada uma das produções mais caras do canal HBO.
E o que podemos notar também no episódio de estreia da nova serie é que também na administração do parque futurístico, existe uma burocracia, que sempre está atenta para que não aconteça nenhuma falha no ar durante a visita dos seus visitantes, dizer o show têm grandes qualidades de produções de primeira linha, o roteiro da história do primeiro episódio apesar de ser muito focada nos acontecimentos anteriores antes do início do episódio, ainda conseguiu nos apresentar uma serie que valeu a pena esperar por muito tempo, e a serie têm minha aprovação de trabalho de qualidade, e mais até os animais são androides do parque, e ainda vemos uma questão que sempre vemos em filmes futurísticos que são as rebeliões das maquinas, é uma coisa sempre velha, e ainda revemos um conceito popular que “a criação se vira com o seu criador”.
E ainda na serie tivemos momentos de adrenalina, onde envolveu um roteiro pra lá de realístico que foi um bang, ou seja, um duelo de tiros, como nós vemos em histórias e produções do gênero faroeste, e ainda o cenário incorpora aspectos da época como bandidos, índios, salões com pessoas de velho-oeste vem para conversar, beber ou paquerar, que dizer assim como no filme a serie, dá aquele toque realístico sem viajar no tempo, o que é uma coisa boa se bem que viajar no tempo, na opinião, claro que tudo isso é ficção, mas temática com viagem no tempo é mais divertida na opinião no gênero ficção cientifica.
E mais o parque ainda de ser um lugar para se divertir com a família, é também um lugar para se divertir com os amigos, como beber num bar no faroeste, e ainda se divertir com os androides no estilo despedida de solteiro, e ainda o roteiro da viagem têm tons realísticos, como se tivesse vivendo no faroeste, e uma das coisas que estou falando e que foi apresentada no episódio, e fazer parte daquele estilo de justiça que muitos vimos em histórias e produções do velho-oeste, em que se envolve naqueles assaltos a banco, e trem, e ainda aquelas perseguições a cavalo, que dizer é um mundo em que podemos experimentar a vida de uma época que ainda não existimos, mas no caso de Westworld, ela torna a experiência mais realista, com a ciência, e posso dizer que fiquei impressionado com a produção, e ela está em boas mãos, e ela não decepciona mesmo, e para aqueles que estão procurando uma boa produção televisiva com robôs, então encontraram a escolha certa ao ler essa crítica, e ainda serie atrai com seu elenco promissor que dá grande caráter para a produção televisiva, e quando assistirem não vão se decepcionar.
O episódio de da serie foi dirigido por Jonathan Nolan, com o roteiro escrito por ele e sua esposa Lisa Joy, e no elenco da serie estão:Evan Rachel Wood,Anthony Hopkins,Ed Harris(do filme O Show do Truman: O Show da Vida),Thandie Newton(do filme Norbit -Uma Comédia de Peso), James Marsden,Jeffrey Wright(da franquia Jogos Vorazes),Shannon Woodward,Rodrigo Santoro(da duologia 300),Angela Sarafyan,Sidse Babett Knudsen(da serie Borgen), Ingrid Bolsø Berdal(dos filmes Presos no Gelo, João e Maria: Caçadores de Bruxas e Chernobyl),Jimmi Simpson(da serie House of Cards), Ben Barnes(dos filmes O Retrato de Dorian Gray e O Sétimo Filho),Clifton Collins Jr.(do filme Círculo de Fogo) e Tessa Thompson(do filme Creed: Nascido para Lutar), vejam a nota da serie abaixo, e suas imagens.
Avaliação da serie:
Nota:9,6/10,0
Resultado de imagem para westworld serie posteres
E suas imagens:
Resultado de imagem para westworld serie posteres
Resultado de imagem para westworld serie posteres
Resultado de imagem para westworld serie posteres
Resultado de imagem para westworld serie posteres
Resultado de imagem para westworld serie posteres
Resultado de imagem para westworld HBO posters
Resultado de imagem para westworld HBO posters
Resultado de imagem para westworld HBO posters
Resultado de imagem para westworld HBO posters
Resultado de imagem para westworld HBO posters
Espero que gostem da nova postagem, e até a próxima, meus amigos! E ainda a serie vai seguir o estilo antológico, espero que aproveitem a serie, porque é muito boa.

Um comentário:

  1. Ás vezes apoiamos a inteligência artificial ou a humanidade, é muito sábio para reprisar a história, o elenco é excelente, com algumas referências, outra vantagem é a música adaptada, ele nos promete muito e acho assim sera, Westworld eu acho que é os melhores lançamentos do ano, impecável em cada detalhe, vou ser muito seguidor e eu peguei a história, embora eu não sigo muito o gênero ocidental que não pára o gozo porque é uma mistura de ficção científica, com uma realidade alternativa que eu não acho que estamos muito longe com essas idéias que temos a raça humana para jogar criar a vida.

    ResponderExcluir