filmes de terror

Filmes de Ficção-científica

Filmes de comédia

Filmes de Aventura

Filmes de drama

Filmes de suspense

Filmes adolescentes

Filmes de ação

Clássicos

Filmes baseados em fatos reais

Filmes de Faroeste

Filmes de Animação

Franquias

Lançamentos

Filmes épicos

Filmes de fantasia

Filmes de romance

Filmes de Policial

Filmes de mistério

Filmes de Guerra

series de televisão

Notícias

Em breve

Especiais

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Novas novidades da nova serie de suspense e terror de Julie Plec e David Nutter do canal The CW, Containment!

Bom dia, meus amigos, hoje tenho novas notícias para vocês do canal aberto americano The CW, sobre a nova serie de suspense e terror do canal de Julie Plec e David Nutter, que é a esperada Containment cujo o episódio-piloto estreia na terça-feira, 19 de abril de 2016 nos Estados Unidos, no canal The CW, após a exibição do 18°episódio da 2°temporada de The Flash, nesse mesmo dia, a serie é o remake americano da serie de suspense e terror belga Cordon, que estreou na Bélgica em 2014, a 1°temporada da versão original da Bélgica têm 10 episódios, já 1°temporada da versão dos Estados Unidos têm 13 episódios, estão ansiosos para verem o novo trabalho de Julie Plec(das series The vampire Diaries e The Originals) e David Nutter(das series Supernatural, Game of Thrones, Arrow e The Flash), o episódio-piloto da serie que estreia na terça-feira, dia 19 de abril, foi dirigido por David Nutter e o roteiro do mesmo foi escrito por Julie Plec.












vejam as informações do site http://containmentbrasil.com.br/
Elenco de Containment fala sobre comparações com ‘The Walking Dead’ e ‘Esperando um surto de zumbis’!










Elenco de Containment fala sobre comparações com ‘The Walking Dead’ e ‘Esperando um surto de zumbis’!


A futura série da CW sobre um surto viral, Containment, é basicamente The Walking Dead com uma enorme reviravolta — não há zumbis!

“É só morte”, explica a estrela George Young ao entrevistador do TVLineMichael Ausiello, no vídeo acima.
Considerando que o drama da AMC é pura ficção, o thriller médico da CW (que estréia na próxima terça-feira às 22hs) é “baseado em algo real, fundamentado [e] que pode realmente acontecer”, Young acrescenta. (A protagonista Claudia Black, no entanto, admite: “Quando eu li o pilot, eu estava esperando uma revelação de zumbis. Eu fiquei tipo: ‘Esta é realmente uma incrível, sutil e sofisticada história de zumbis’”.)
Enquanto o elenco recebe a oportunidade de brincar com as apostas de vida e morte reais, isso vem com uma desvantagem: uma final horripilante não pode ser descartada para qualquer um dos personagens. (Segurança de emprego? Pssh!)
“Há milhares de pessoas em quarentena dentro do cordão de isolamento” — incluindo a maior parte do elenco principal — “E todos os que estão lá dentro certamente não estão seguras por qualquer esforço”, brinca o produtor executivoMatt Corman.
Quanto à própria expectativa de vida de Containment — está agora sendo anunciada como um evento de série limitada — EP, Chris Ord diz: “”Nós estamos olhando para a primeira temporada como a sua própria coisa, mas isso vai nos deixar espaço para avançar e fazer mais”.
Comentários da atriz Hanna Mangan Lawrence sobre a sua personagem em Containment [Legendado]










Comentários da atriz Hanna Mangan Lawrence sobre a sua personagem em Containment [Legendado]


Hanna Mangan-Lawrence tenta sobreviver em uma cidade dividida quando Containment começar dia 19 de abril, na CW. Além dos comentários da atriz, o vídeo contém cenas inéditas do primeiro episódio.
Julie Plec e Elenco falam sobre 15 fatos que devemos saber sobre Containment!














Julie Plec e Elenco falam sobre 15 fatos que devemos saber sobre Containment!


No outono, visitei o set da próxima série da CW, Containment (que é na minha cidade de Atlanta, também conhecida como o lugar onde todas as pragas começam em programas de TV). Fomos capazes de entrevistar a produtora executiva Julie Plec, juntamente com membros do elenco David GyasiChristina MosesChris Wood,George Young, e Hanna Mangan-Lawrence sobre a próxima série da CW, que é algo totalmente diferente para Plec quanto para a emissora. Descrito como uma série “mais adulta”  (e, especificamente, por Wood, como “uma série adulta, suja, dramática, corajosa e sombria”), Containment é a história de uma epidemia viral misteriosa que prejudicou a cidade de Atlanta, resultando na criação de uma zona de quarentena que divide amigos e familiares, dos quais nem todos estão doentes (ainda).
Baseado na série belga Cordon, a vida na área de Cordon é explorada em como seus habitantes lutam pela sobrevivência, com David Nutter [Game of Thrones] atuando como produtor executivo. Como Plec nos disse, no centro da história se concentra a seguinte pergunta  “quem é você e que tipo de pessoa é você nesta situação? Você é alguém do qual sente orgulho, ou alguém que você nunca quer que ninguém veja novamente?”
Plec e o elenco nos deixaram cientes sobre o que os atraiu, o que os fãs podem esperar da série e como vai levar os telespectadores em uma montanha russa de emoções. Além disso, Plec recomenda que você não assista a série Belga antes por motivos que não podem ser revelados no momento, uma vez que algumas das reviravoltas são muito semelhantes.
1. Fãs de The Vampire Diaries e The Originals vão notar que Containment é algo que foge do contexto de série que Julie Plec está acostumada. Ela disse que foi “um desafio oposto” porque o centro da série é “caráter e humanidade, e como as pessoas se relacionam entre si.” Ela disse que foi fácil se relacionar com uma série desse gênero, mas ainda sim difícil algumas vezes, por ser algo que constantemente te puxa para baixo. Ainda assim, ela descreveu o vírus como sendo o monstro da série.
2. O ritmo da série vai ser elevado aos poucos, permitindo alguns mistérios e algumas insinuações de conspiração. A intenção é manter tudo, se possível, exatamente igual ao mundo real. Com a série tendo 13 episódios, a trama irá se passar ao longo de vinte dias. Um flashback que iremos ver no Piloto será o dia de número 13, que vai ser contado no episódio 8 ou 9. Wood adicionou que “não tendo o formato de 22 episódios, a história é um pouco mais concisa e um pouco mais fácil de construir o impulso para a final.”
3. Em relação à série Belga (que alguns atores/atrizes assistiram e outros não) Plec disse, “me atingiu algumas vezes, existem alguns momentos que você fica tipo ‘cara, isso não foi legal.’ E estamos pegando algumas coisas emprestadas disso, então creio que as pessoas serão capazes de permanecer empenhadas. Definitivamente deixa você com muito medo sobre o que pode acontecer a seguir.”
4. Chris Wood diz, “a série é tão real e realmente nos dá calafrios. Em algum momento na sala de leitura, acontece algo que nos deixa muito emocional. É uma história verdadeira e sobre resposta humana, e as vezes sobre compaixão, mágoa, egoísmo e é tudo muito bruto e despojado.” George Young concordou com isso dizendo também que tudo se torna emocionalmente desgastante porque é real.
5. Hanna Mangan-Lawrence diz que por conta da série ser “passada em tempo real e que pode realmente acontecer” isso se torna “muito mais assustador estando na zona de quarentena.”
6. Apesar de ter algumas comparações com o surto de Ebola, Plec disse que a série já estava em desenvolvimento antes disso acontecer, e que se ela pensasse que seria algo muito banal, desistiria. Enquanto existe algumas semelhanças com qualquer doença contagiosa, o vírus em Containment será algo que nunca vimos antes. Mas posso confirmar que será grave.
7. Plec também trouxe a tona que o Paciente Zero é do Oriente Médio, onde disse que isso irá trazer questões complicadas  como “raiva, hostilidade, xenofobia* e política racial,” e alguns outros temas complexos que a série irá apresentar.
8. A produção trabalhou de perto com o Centro de Controle de Doenças (CCD), inclusive analistas conversaram com os escritores para estarem cientes dos fatos corretos. Plec disse que as regras para uma quarentena, como lidar com a situação e sobre como o serviço público é orientado a agir nessas circunstâncias. “Ao nos expor para fazer esse mundo real, nós tentamos seguir quantas regras podíamos.”
9. Cada membro do elenco, disse que se tornaram muito mais conscientes sobre germes e contágios desde as filmagens da série, e alguns até mudaram os seus comportamentos: Chris Wood disse que ele criou uma fobia por germes, enquanto George Young disse a série os tornou hipocondríacos**, e que alguns telespectadores após assistirem irão achar que isso pode acontecer algum dia.
10. Quando a série trata como foco principal a realidade, Gyasi e Wood contaram que ambos trabalharam no Departamento de Polícia de Atlanta para terem uma ideia de como as coisas realmente seriam tratadas nesta situação. Eles aprenderam como limpar quartos, e em seguida, foram testados em suas habilidades. Wood também leu livros sobre oficiais que foram pegos em situações extremamente difíceis e emocionais, para obter uma sensação de o que ele precisaria retratar na zona de quarentena.
11. Os fãs de The Vampire Diaries podem estar se perguntando se Plec está roubando de si mesma por ter escalado Chris Wood em um papel de liderança na série, mas ela disse que já havia planejado acabar com a sua história em The Vampire Diaries muito antes disso acontecer, e ela realmente pensou que ele ainda era jovem demais para o papel de Containment, mas David Nutter achou que sua audição foi fantástica.
12. Embora 95% do elenco é de Atlanta ou regional, existem alguns rostos conhecidos do mundo da CW de Plec. Há também um monte de membros internacionais no elenco, e Chris Wood teve uma história engraçada sobre que “há uma área em Atlanta chamada Fourth Ward, e eu acho que os escritores não falaram alto o suficiente – é difícil pronunciar. Mas os escritores criaram esse grupo chamado ‘Fourth Ward Lords‘ e entregou isso aos atores/atrizes britânicos ou australianos que normalmente não conseguem dizer os ‘R’ das palavras, e que estão tentando fazer um sotaque australiano…. havia muitos sons e tiveram que mudá-los.”
13. Quando se trata do envolvimento de David Nutter, Plec disse que ele escolheu a série em uma pilha de Pilotos da Warner Bros. “Ele me disse que era poderoso, comovente, emocional; uma história sobre seres humanos, a vida de uma família… o que você faz nessa situação, tem como centro a resposta mais simples do mundo. Ele assumiu a produção e foi magnífico. Ele tem a mania de ter controle de tudo, e eu de ser uma maníaca por controle, mas ele é eu milhões de vezes pior, e é glorioso. Eu apenas sentei lá e aprendi. Ele é muito, muito bom no que faz. Você tem que amá-lo e adorá-lo. Ele é como um urso de pelúcia, mas também é uma máquina descontrolada e irá terminar as coisas.”
>14. Chris Wood também elogiou David Nutter pela sua abordagem pessoal com os atores, dizendo que “não parece ser uma pessoa esnobe” e que “ele é como um encantador de cavalo em alguns aspectos. Ele vai dizer certa coisas que vão te provocar, e deixá-lo exatamente onde você precisar estar em cena.”
15. As apostas na série são altamente grandes, e “ninguém está à salvo” quando se trata do surto, Gyasi nos conta. Plec confirmou isso, dizendo, “a morte está batendo na porta de todo mundo o tempo todo. É uma doença extremamente potente, não trata as pessoas bem, e de nenhuma forma é discriminatória – ataca de uma vez só ou por estágios. É muito poderoso. Além de um grande mistério e alguns momentos agradáveis da humanidade, há uma montanha russa de emoções que a série irá te levar.”
*Xenofobia é a desconfiança, temor ou antipatia por pessoas estranhas ao meio daqueles que as ajuíza, ou pelo que é incomum ou vem de fora do país.
**Hipocondríacos é a obsessão relacionada à ideia de que se tem uma condição médica grave, porém não diagnosticada, as vezes não existente, apenas fruto da imaginação.

Containment estréia dia 19 de Abril na CW.
Containment tráz um ameaça ainda mais assustadora do que vampiros, zumbis e vilões de quadrinhos!














Containment tráz um ameaça ainda mais assustadora do que vampiros, zumbis e vilões de quadrinhos!


A nova série da CW, Containment, deixa vampiros, zumbis e vilões de quadrinhos para trás e traz uma ameaça ainda mais assustadora para as telas na forma de um vírus horrível e fatal.
Abaixo vamos citar algumas curiosidades sobre a série, o elenco e sua equipe.
* A mudança de trabalhar em uma série sobrenatural para uma baseada na realidade, não foi nenhum desafio para Plec. A série é realmente sobre caráter, humanidade, os seres humanos e como eles se relacionam entre si.
* Ela considera Containment como uma série de gênero, “O vírus em si é um monstro. É o ‘tubarão’ e o ‘monstro debaixo da cama’ e essas coisas semelhantes.
* Ela descreve a série como “uma mistura perfeita de ser capaz de explorar a humanidade e manusear tensão, suspense e mistério”
* “É uma jornada lenta e longa através da primeira temporada” para chegar ao mistério. Há uma “ameaça sutil de conspiração.”
* Haverá pequenas mudanças no vírus. Existem alguns fatores no vírus que acabam jogando as pessoas em ciclo vicioso. Deixa em aberto a possibilidade de uma 2ª temporada.
* A série lida tanto com o lado bonito quanto com o lado feio da humanidade.
* Paciente Zero é um homem do Oriente médio que leva a situação com hostilidade, raiva e xenofobia.
* Questão levantada: Por que somos tão rápidos em achar um culpado? Que tipo de pessoa é você?  Você é alguém do qual sente orgulho, ou alguém que você nunca quer que ninguém veja novamente?”
* Existe política racial
* Plec pensou inicialmente que Chris Wood (The Vampire Diaries) era muito jovem para o papel. Ela fala sobre a sua audição e como o diretor do Piloto, David Nutter (Arrow, The Flash), queria Wood para o papel.
Christina Moses fala sobre o seu papel em Containment‏!














Christina Moses fala sobre o seu papel em Containment‏!


Se você tem assistido TV ultimamente, já deve ter visto alguma chamada da nova série da CW Containment, escrita pela co-criadora de The Vampire DiariesJulie PlecChristina Moses foi escalada para interpretar Jana, uma brilhante recuperadora de dados, que tem problemas sobre confiar em pessoas próximas à ela. Enquanto o vírus se espalha, Jana e outros ficam presos na zona de quarentena. O drama está programado para ir ao ar após The Flashna CW, na terça-feira, 19 de abril.
Antes de Containment, talvez você possa ter visto Christina aparecer em séries populares como: a série da ABC “Twisted” e em “Nikita” da CW. Ela também trabalhou em filmes da Warner Bros “O Primeiro Mentiroso,” em “Star “Trek: Phase II da Magic Time Productions e em “Starship: Rising” da Morphius Films.
Examiner: O que te atraiu para a personagem de Jana?
Christina Moses: Eu fui atraída pela sua força. Seu espírito feroz independente e a sua sensibilidade vulnerável que ela tenta esconder, que talvez ela nem saiba que tem. Ela é complexa e amo a sua humanidade.
Examiner: O que podemos esperar de Containment?
Christina Moses: Julie disse que quando ela estava escrevendo Containment, ela e os escritores sempre tinham que manter a sequência de ‘CHO’. Enquanto os episódios apresentavam sequência de ‘CHO’ tudo estaria certo. E isso é exatamente o que você vai ver na série – coração, humanidade e oh meu deus[Risos] É verdade, você pode olhar para o centro de uma história cuja cidade está a beira de ser destruída por um vírus mortal e imaginar todo o terror que isso segue. E, ao mesmo tempo, é uma história de sobrevivência, de relações que são construídas ou dilaceradas como resultado de amor, de perda ou de quem nos tornamos em circunstância de mudanças drásticas.
Examiner: Qual é o seu regime diário de beleza?
Christina Moses: Eu sou péssima em cuidados de beleza natural. No momento eu estou usando um tonalizador da Emince’s Stonecrop e hidrante manhã/noite com soro de restauração da Jurlique’s. Como limpeza de pele, eu alterno entre o óleo da Biodara’s Luminous Cleansing e Mayan Clay. Como esfoliante eu uso um hidrante facial de amêndoas da Prada Lab, uma empresa que reside em Los Angeles.
Examiner: O que você faz para se manter em forma?
Christina Moses: Eu amo dançar. Qualquer tipo, de verdade, mas principalmente pole dance (além de ser o treino mais completo que existe) ou apenas sair com os amigos, ou colocar uma música no meu apartamento e dançar como uma pessoa louca. Ioga, natação e caminhada são coisas que realmente gosto de fazer. E de vez em quando apareço na academia.
Examiner: Qual é o melhor e o pior conselho sobre beleza que você já recebeu?
Christina Moses: O melhor conselho que eu já recebi foi ter uma alimentação correta e saudável enquanto faço o meu possível para eliminar o estresse, processá-lo e então ir dormir. Durma o suficiente. E ah, água! Beba muita água. Tudo isso vai deixar a sua pele brilhante e saudável. O pior conselho? Hmm… Provavelmente eu bloqueei em algum lugar da minha mente.
Sinopse Oficial do episódio 1×03 – Be Angry At The Sun














Sinopse Oficial do episódio 1×03 – Be Angry At The Sun


Confira a seguir a sinopse do terceiro episódio da primeira temporada de Containment, o 1×03 – Be Angry At The Sun, o episódio vai ao ar dia 03 de maio, na CW.
NINGUÉM ENTRA, NINGUÉM SAI – Após o lançamento de vários vídeos controversos retratando o caos acontecendo dentro da zona de quarentena, Lex(David Gyasi) implora para Dr. Lommers (Claudia Black) para enviar reforços. Entretanto, quando o pedido é negado, Lex é forçado a contar com um relutanteJake (Chris Wood) para assumir o controle da situação. Em outro lugar, Katie(Kristen Gutoskie) tem uma discussão com um dos pais desesperados de sua aluna, enquanto um roubo na loja de sua mãe deixa Teresa (Hanna Mangan Lawrence) agitada e amedrontada. Finalmente, quando Leo (Trevor St. John) libera vídeos mais prejudiciais, são tomadas medidas drásticas para detê-lo.Christina Moises e George Young também estrelam.
Charles Beeson dirigiu o episódio escrito por Marguerite MacIntyre (#103).
Claudia Black fala sobre o seu papel na epidemia viral de Contaiment!














Claudia Black fala sobre o seu papel na epidemia viral de Contaiment!


Claudia Black está retornando para o núcleo da CW como uma das protagonistas da nova série de suspense Containment, que começa nesta terça-feira, 19, às 22h (horário de Brasília). A atriz, que já é um rosto familiar para os telespectadores com o seu papel recorrente como Dahlia em The Originals, juntou-se a nós em Los Angeles essa semana para discutir sobre o seu novo papel como Sabine Lommers, uma oficial do governo no comando quando tudo começa a desmoronar.
Assinar um contrato como uma atriz regular em uma série não foi algo que lhe agradou de primeira. “É um comprometimento muito grande,” ela explicou, “porque uma vez que você se compromete com algo, isso pode se tornar sete anos da sua vida ou mais, então certas coisas tem que ser muito bem planejadas para dar uma boa impressão no episódio Piloto. Acontece tudo tão rápido, é um frenesi.”
“Eu estava trabalhando em outra série com a Julie Plec, em The Originals, e tudo se alinhou perfeitamente e sem problema algum,” Claudia continuou, nos contando como ela foi introduzida em Containment. “Um dos meus agentes me ligou e disse que havia um papel no novo projeto de Julie Plec. É um projeto e tanto, tem um roteiro brilhante, foi adaptado da série belga Cordon e isso já foi mais do que suficiente para despertar o meu interesse.”
Algo que realmente é importante para ela seria com quem ela iria trabalhar. “O ambiente, ele é criado desde lá do topo até lá embaixo e você gasta muito tempo com essas pessoas,” ela disse. “Eu amei trabalhar em The Originals, era um elenco muito feliz. Então a ideia de trabalhar com a Julie novamente, a ideia de trabalhar em uma série que já foi tão bem recebida, e lendo o roteiro e sendo uma referência por ter participado em The Originals, eu pensei que isso iria ser incrível.
Existem todas essas pequenas coisas maravilhosas que apenas se encaixaram perfeitamente e rapidamente,” ela adicionou, “e eu fiz o teste para a Julie, eles me encaixaram em uma segunda-feira de manhã pouco antes do meu voo de volta a Atlanta para filmar mais cenas de The Originals.”
A série Containment retrata sobre uma epidemia que realmente poderia acontecer na vida real (embora esperemos que não). Conta a história de um surto misterioso e mortal que ocorre na área de Atlanta, forçando o governo a decretar uma quarentena que acaba apresentando outros tantos problemas. A personagem de Claudia é a pessoa que responde pelo governo, e perguntamos à ela como é trabalhar em uma série com um enredo tão sombrio e ainda sim tão plausível.
“É pesado,” ela disse. “”Eu acho que é uma exploração necessária que fazemos na narrativa quando olhamos para as partes feias de nós mesmos.  É uma linguagem velada, por isso nos permite explorar esses lugares muito escuros. Eu acho que não poderia estar acontecendo em um momento melhor. Minha personagem é alguém que toma decisões muito difíceis, e são decisões extremamente controversas.
A minha experiência de trabalhar na série é bastante míope por causa da história da minha personagem”, ela continuou. “Meu relacionamento com Lex, interpretado por David Gyasi, é a base da minha história e extremamente importante. Raramente trabalhei com mais alguém. Pelo fato de minha personagem estar fora da zona de quarentena. É uma parte fascinante da história também, esse conflito que acaba acontecendo dentro da zona de quarentena, porque eles não podem viver como todo mundo está vivendo. Eles estão em um bloqueio. Estou orgulhosa do que David e eu fomos capazes de alcançar. ”
Muitos fãs irão naturalmente lembrar – se não reconhecer – Claudia pelo seu papel como Aeryn Sun na série de sucesso de ficção científica Farscape, que permanece como um dos seus papeis favoritos. “Aeryn foi um privilégio de interpretar porque ela era o coração da série,” refletiu, “Ben [Browder] e eu decidimos que iríamos contar uma história de amor quente como o inferno ou fria como a água. Originalmente, os planos era fazê-lo como o Shatner de Star Trek, e ele teria uma garota estrangeira diferente a cada semana. E nós falamos que qualquer coisa que eles joguem em nós, vamos apenas fazer com que seja uma linda história de amor.
Por sorte, o criador [Rockne O’Bannon] concordou conosco e então eu acho que as sementes foram plantadas,”ela continuou. “O seu amadurecimento, o marco foi tão fenomenal e um presente incrível para dar vida. Ela me ensinou tanto sobre disciplinas.  A sua primeira lágrima e o seu primeiro sorriso foram escritos como sendo algo bem simples, bem econômico como atriz, e eu me aperfeiçoei bastante com ela.”
“Com Stargate I eu cheguei um pouco tarde, não foi algo que eu ajudei a criar desde o começo. Eu estive entre um elenco muito bem estabelecido. Vala foi uma personagem divertida de interpretar. Ela era o oposto de Aeryn em diversas maneiras,” acrescentou. “Há papeis como atriz convidada dos quais eu tenho muito orgulho. Eu fiquei muito agradecida à Shawn Pillar em Haven. A personagem em The Originals, ela era a bruxa mais maligna e poderosa que existia em sua mitologia. Para entrar em algo tão grande assim foi uma responsabilidade e tanta.”
Mas agora em Containment, ela é a mulher que está no comando, e o público vai finalmente ter a chance de ver uma série que vai mexer com os seus nervos. É a maneira que ela gosta. Como Claudia explicou, o seu interesse nas telonas é de causar grandes impactos. “Eu não fico interessada em assistir algo na TV que seja monótono,” ela disse. “Quero ser desafiada. Eu quero aprender. Quero ser surpreendida.”
“Eu estou interessada em pessoas que tenham conteúdo e que contribuam em algo positivo e profundo para a nossa consciência,” concluiu. “Estou muito orgulhosa dos cineastas e dos criadores que se arriscam em ultrapassar certos limites, para que nós como um grupo possamos amadurecer e nos curar. Eu acho que o mundo precisa mais de uma cura.”
Elenco feminino de Containment para Regard Magazine














Elenco feminino de Containment para Regard Magazine


Adicionamos a galeria, algumas fotos do photoshoot que as atrizes Claudia BlackKristen GutoskieChristina Moses e Hanna Mangan Lawrence, o elenco feminino de Containment, fez para a Regard Magazine, veja:
As fotos estão sendo adicionadas aos poucos, porque nem todas foram divulgadas.
Fotos promocionais do episódio 1×03 – Be Angry At The Sun














Fotos promocionais do episódio 1×03 – Be Angry At The Sun


Adicionamos a galeria as fotos promocionais do terceiro episódio da primeira temporada de Containment, o 1×03 – Be Angry At The Sun que vai ao ar dia 03 de maio, na CW.
Jake briga com Lex, em cena do episódio 1×01 – Pilot [Legendado]














Jake briga com Lex, em cena do episódio 1×01 – Pilot [Legendado]


Confira a seguir mais uma cena do primeiro episódio da primeira temporada de Containment, o 1×01 – Pilot, o episódio vai ao ar dia 19 de abril, na CW.
Novas fotos promocionais da primeira temporada de Containment!














Novas fotos promocionais da primeira temporada de Containment!


A CW realizou mais um ensaio fotográfico com o elenco principal da primeira temporada de Containment, a série estreia nesta terça-feira dia 19 de abril. Veja:
Katie procura o seu filho com Jake, na primeira cena do episódio 1×01 – Pilot [Legendado]














Katie procura o seu filho com Jake, na primeira cena do episódio 1×01 – Pilot [Legendado]


A estreia da série acontece na próxima terça-feira, dia 19 de abril, na CW. Veja a seguir a primeira cena do primeiro episódio da primeira temporada de Containment o 1×01 – Pilot.
Comentários da atriz Kristen Gutoskie sobre a sua personagem em Containment [Legendado]














Comentários da atriz Kristen Gutoskie sobre a sua personagem em Containment [Legendado]


Uma professora luta para sobreviver com os seus alunos quando Containment começar dia 19 de abril, na CW. Além dos comentários da atriz, o vídeo contém cenas inéditas do primeiro episódio.
Primeira foto promocional do episódio 1×04 – With Silence and Tears














Primeira foto promocional do episódio 1×04 – With Silence and Tears


Veja a seguir a primeira foto promocional do quarto episódio da primeira temporada de Containment, o 1×04 – With Silence and Tears, o episódio vai ao ar dia 10 de maio, na CW. Na foto vemos que Jake (Chris Wood) e Katie(Kristen Gutoskie) estão mais próximos.
Containment -- "With Silence and Tears" -- Image Number: CON104a_0632.jpg -- Pictured (L-R): Chris Wood as Jake and Kristen Gutoskie as Katie -- Photo: Quantrell D. Colbert/The CW-- © 2016 The CW Network, LLC. All Rights Reserved



Espero que gostem da nova postagem, e até a próxima, meus amigos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário